quinta-feira, 9 de Dezembro de 2010

As Drogas

quinta-feira, 2 de Dezembro de 2010

Apresentação Powerpoint

terça-feira, 30 de Novembro de 2010

Efeito de 10 drogas enquanto se dirige um carro

Como classificamos as Drogas


- Quanto ao processo de Formação :

  • As drogas naturais são obtidas através de determinadas plantas, de animais e de alguns minerais. Exemplo a cafeína (do café), a nicotina (presente no tabaco), o ópio (suco na papoila) e o THC (da cannabis). 

  •  As drogas semi-sintéticas  são produzidas a partir de drogas naturais com alterações químicas feitas artificialmente em laboratório. Como o crack ,cocaína , cristais de haxixe, etc.

 As drogas sintéticas são , substâncias ou misturas de substâncias psi-coactivas produzidas através de meios químicos cujos principais componentes activos não são encontrados na natureza. A maioria das drogas sintéticas apresenta efeitos alucinogénos, podendo serem estimulantes ou depressores do sistema nervoso central, exigindo para isso técnicas de produção especiais.

-Quanto ao tipo :

  • Depressivas - diminuem a actividade cerebral e podem dificultar o processamento das mensagens que são enviadas ao cérebro. Exemplos: álcool, , maconha , clorofórmio, ópio, morfina, heroína, e inalantes em geral (cola de sapateiro etc).

  • Alucinogénas (drogas perturbadoras) – têm como característica principal a despersonalização em maior ou menor grau. Exemplos cogumelos alucinogénos, LSD, ecstasy e DMT.

  • Estimulantes - produzem aumento da actividade pulmonar, diminuem a fadiga, aumentam a percepção ficando os demais sentidos activados. Exemplos: cocaína, crack, cafeína, teobromina (presentes em chocolates), GHB, metanfetamina, anfetaminas , etc.

Motivos associados ao consumo da Droga

  • Problemas pessoais, sociais, financeiros;
  • Influência de amigos, traficantes assim como da sociedade e publicidade de fabricantes de drogas lícitas;
  • Sensação imediata de prazer que produzem;
  • A facilidade de acesso e obtenção;
  • Desejo ou impressão de que elas podem resolver todos os problemas, ou aliviar as ansiedades;
  • Fuga;
  • Depressão;
  • Estimulante;
  • Calmante;
  • Ficar acordado ou dormir profundamente;
  • Tentar parecer fixe;
  • Emagrecer ou engordar;
  • Esquecer ou memorizar algo;
  • Fugir ou enfrentar;
  • Inebriar;
  • Inspirar;
  • Fortalecer;
  • Aliviar dores, tensões, angústias, depressões, solidões;
  • Aguentar situações difíceis, privações e carências;
  • Encontrar novas sensações, novas satisfações;
  • Força do hábito;
  • Muitas das vezes revolta dos filhos contra os pais.
  • Sentimento de Poder e sentir-se acima dos outros

O que é a Droga?

"A droga é qualquer ingrediente ou substância química, natural ou sintética que provoca alterações no estado físico e/ou psicológico de uma pessoa."

  • No seu sentido original, droga , é um termo que abrange uma grande quantidade de substâncias, que pode ir desde o carvão à aspirina;  presta-se a várias interpretações, mas ao senso comum é uma substância proibida, de uso ilegal e nocivo ao indivíduo, modificando-lhe as funções físico-motoras, as sensações, o humor e o comportamento. Contudo, há um uso mais coerente, mais "corrente" do termo, remetendo a qualquer produto alucinogéno que leve à dependência química e, por extensão, a qualquer substância ou produto tóxico (tal como o tabaco, álcool etc.) de uso excessivo.

  • Do ponto de vista jurídico, segundo prescreve o parágrafo único (Lei de Drogas): "Para fins desta Lei, consideram-se como drogas as substâncias ou produtos capazes de causar dependência, assim especificados em lei ou relacionados em listas actualizadas periodicamente pelo Poder Executivo da União".

    quinta-feira, 25 de Novembro de 2010

    Introdução ao Blogue

    Com este blogue pretendemos dar-vos a conhecer um pouco melhor o duro mundo das drogas . Com o tempo, vamos adicionar mais informação em formato de vídeo , slideshare , etc ... Esperemos que com este trabalho , consigamos transmitir-vos os perigos da droga .


    Este trabalho é realizado no âmbito da disciplina de Área de Projecto pelos alunos Dinis Oliveira, Pedro Ricardo, Daniela Clemente e Inês Magalhães .